Referências bibliográficas e a importância das normas ABNT em sua pesquisa em 2024

Quando se trata de trabalhos acadêmicos, a precisão das referências bibliográficas é primordial. É por isso que seguir as normas da ABNT é tão importante para sua pesquisa.

Cada tipo de fonte de pesquisa requer um formato particular de referência bibliográfica, e a ABNT especifica todas as regras de formatação que você precisa seguir para citar suas fontes corretamente.

Se você está preocupado com as muitas regras que pode parecer intimidadoras, aqui vai uma dica especial: temos tudo sobre as referências bibliográficas dentro das normas ABNT. Isso irá ajudá-lo a economizar tempo enquanto garante a precisão e a relevância de suas fontes.

Índice

O que é as normas ABNT?

As normas ABNT são um conjunto de regras e padrões que visam padronizar e regulamentar a apresentação de trabalhos acadêmicos, bem como estabelecer critérios para a elaboração de documentos técnicos e científicos.

A sigla ABNT se refere à Associação Brasileira de Normas Técnicas, entidade responsável pela criação e atualização dessas normas.

Muitas vezes, os estudantes se deparam com a necessidade de seguir as regras ABNT para a elaboração de seus trabalhos de conclusão de curso, monografias e dissertações.

Apesar de serem tidas como um fardo por muitos, as normas ABNT são importantes para garantir a qualidade e a uniformidade das produções acadêmicas.

Qual a importância das normas ABNT para as Referências? 

As normas ABNT são fundamentais para garantir a qualidade da produção acadêmica. Quando se trata das referências bibliográficas, a aplicação correta dessas normas é ainda mais importante.

Isso porque as referências são o elemento que garante a autoria das informações presentes em um trabalho científico, além de atribuir credibilidade e tornar o conteúdo mais confiável.

O uso adequado das normas ABNT para as referências garante que todo o material utilizado na elaboração do trabalho seja reconhecido e valorizado, deixando claro que se trata de um processo baseado na honestidade intelectual e no comprometimento com a qualidade do trabalho produzido.

O que é uma referência bibliográfica?

A referência bibliográfica é uma parte crucial de qualquer trabalho acadêmico. Ela consiste na indicação dos autores, título, edição, local, editora e data de qualquer citação feita em um texto, de acordo com as normas estabelecidas pela ABNT.

É essencial seguir essas regras para garantir a credibilidade do seu trabalho e respeitar as fontes de pesquisa utilizadas. Sabendo disso, fica mais fácil entender a importância de se dedicar à elaboração das referências bibliográficas de forma correta e completa.

Afinal, elas são uma forma de demonstrar ao leitor que o trabalho foi desenvolvido com base em fontes confiáveis e que você respeita o trabalho de outros pesquisadores.

Por que fazer referência ABNT?

Fazer referência ABNT é algo essencial para os trabalhos acadêmicos. Mas por que é tão importante?

A resposta é simples: para garantir a validade e a defesa da sua ideia. Ao buscar referências de outras produções acadêmicas, você encontra embasamento teórico para sustentar sua teoria.

São as teorias utilizadas que darão respaldo às suas ideias e, para utilizá-las, é preciso dar os devidos créditos por meio de citações e referências bibliográficas adequadas.

Com isso, é possível utilizar conceitos e teorias de outros autores sem correr o risco de cometer plágio. Por isso, é fundamental seguir as normas da ABNT na hora de formatar as referências bibliográficas.

Questões básicas sobre as referências bibliográficas na ABNT

Para quem está começando a escrever trabalhos acadêmicos, entender as regras para as referências bibliográficas na ABNT pode ser um desafio. No entanto, é fundamental compreender a importância desse conjunto padronizado de elementos descritivos.

Além de permitir a identificação individual de um documento, a referência bibliográfica é uma ferramenta para verificar a consistência dos dados utilizados no trabalho.

Além disso, é uma maneira de aprofundar o entendimento sobre o assunto em questão, uma vez que permite acessar a fonte original do material.

Por isso, compreender as questões básicas sobre referências bibliográficas na ABNT é crucial para quem deseja produzir um trabalho acadêmico completo e de qualidade.

Itens obrigatório a qualquer referência ABNT

Para garantir a qualidade e a credibilidade de um trabalho acadêmico, seguir as normas da ABNT é fundamental.

E uma das principais regras é a elaboração de referências bibliográficas corretas. Em qualquer tipo de trabalho, incluir o autor, o título da obra, o local, a editora e a data de publicação na referência é obrigatório.

Esses elementos são importantes para identificar a fonte utilizada e dar crédito ao autor, além de facilitar a busca do material pelo leitor.

Então, mesmo que pareça simples, é essencial prestar atenção nos detalhes e seguir corretamente essas normas para garantir um trabalho de qualidade.

Autoria

A autoria de um trabalho é essencial para identificar a origem da ideia apresentada. É o autor ou autora quem coloca suas ideias no papel, e por isso é tão importante citá-los corretamente nas referências bibliográficas.

As normas da ABNT determinam que o nome do(s) autor(es) deve aparecer em destaque, logo no início da referência.

Além disso, é preciso estar atento à quantidade de autores e à natureza da autoria, já que isso influencia na forma como os sobrenomes devem ser apresentados. É importante seguir essas regras para garantir a integridade do trabalho e dar o devido crédito aos autores.

Título da obra

Sem dúvidas, o título da obra é uma das partes mais importantes de um artigo ou livro. É ele que atrairá o leitor e o fará querer saber mais sobre o que está sendo apresentado.

O título deve ser claro e objetivo, ou seja, deve dar uma boa pista do que se trata o conteúdo que será abordado. É importante que ele seja marcante e tenha algum elemento que chame a atenção do leitor. Por isso, é sempre uma boa ideia investir em um título bem pensado e criativo.

Local

Ao publicar um trabalho, é crucial indicar o local de publicação e a editora responsável pela edição. Essas informações complementares podem ajudar a identificar corretamente o trabalho, evitando possíveis confusões com publicações parecidas.

Assim, a indicação da localidade pode ser importante para fins de pesquisa e referência, especialmente em estudos que analisam questões regionais ou locais. Portanto, sempre que publicar um trabalho, não deixe de especificar esses detalhes importantes.

Data

A data é um aspecto fundamental para avaliar a relevância de um estudo científico, especialmente quando levamos em conta a rapidez com que novas descobertas são feitas em diferentes áreas.

Sendo assim, a data de publicação também pode nos ajudar a distinguir artigos com títulos semelhantes ou idênticos, uma vez que cada publicação traz suas próprias contribuições e resultados.

Como resultado, é importante estar atento à data dos estudos que citamos, para garantir que estamos utilizando as informações mais atualizadas e precisas.

Como fazer as referências bibliográficas nas normas da ABNT

Sabemos que fazer as referências bibliográficas pode ser uma tarefa trabalhosa, mas extremamente importante para garantir a credibilidade do trabalho acadêmico.

Para seguir as normas da ABNT, é necessário estar atento aos detalhes, tais como a ordem das informações e a formatação correta. O primeiro passo é identificar qual tipo de fonte bibliográfica deve ser referenciada, seja livro, artigo de revista, tese, entre outros.

Em seguida, deve-se organizar as informações de acordo com o modelo correspondente, prestando atenção ao uso de itálico, sobrenomes e datas. Seguir as normas da ABNT pode parecer confuso à primeira vista, mas com atenção e prática é possível dominar essas regras com facilidade.

Referências bibliográficas de livros

A correta citação de referências bibliográficas de livros é fundamental para garantir a credibilidade e a originalidade de trabalhos acadêmicos.

É comum que os formatos variem de acordo com o número de autores – desde o uso de “et al.” em caso de três autores ou mais, até ao mencionar todos os nomes no caso de dois autores.

Por isso, é importante saber identificar a forma adequada de citação para cada tipo de livro. Com essas dicas, seu trabalho será ainda mais confiável e bem embasado.

Livros com apenas um autor

Livros com apenas um autor são uma fonte rica de conhecimento e entretenimento. Essas obras oferecem ao leitor uma imersão completa na mente e na visão de mundo de um escritor.

Desde ficção até não ficção, livros com um único autor apresentam ideias únicas contadas de uma perspectiva singular.

Com títulos que variam de autoajuda a grandes narrativas, os leitores encontram em apenas um livro uma narrativa completa que pode mudar suas vidas ou simplesmente entretê-los.

Os títulos geralmente seguem um formato bastante padrão de família de sobrenome primeiro e nome em seguida, seguido pelo título do livro e informações de edição e publicação.

A beleza dos livros com apenas um autor é que o leitor pode se conectar profundamente com a visão e as ideias de um indivíduo sem a distração de outras vozes em conflito.

As citações que citam um livro devem conter os seguintes dados:

Modelo de uma referência bibliográfica
Exemplo de referências bibliográficas

Exemplo:

KRENAK, Ailton. Ideias para adiar o fim do mundo. São Paulo: Companhia das Letras, 2019.

Livro com até três autores

Um livro com até três autores pode ser o resultado de uma colaboração única e excepcional. Quando a criatividade e inteligência de mais de um escritor se juntam, o resultado pode ser uma obra bem-articulada e estimulante.

Na referência bibliográfica, é importante mencionar todos os autores e incluir tanto o título quanto a edição da obra (se houver). A lista deve incluir o local de publicação e o ano de publicação.

Porém, aquilo que torna um livro com até três autores tão empolgante é a perspectiva única que cada autor traz para a mesa. Juntos, suas vozes são capazes de criar uma história ainda mais cativante.

Exemplo:

ARUZZA, Cinzia; BHATTACHARYA, Tithi; FRASER, Nancy. Feminismo para os 99%: um manifesto. São Paulo: Boitempo, 2019.

Livro com autor desconhecido

Descobrir um livro com autor desconhecido pode ser uma aventura emocionante. Não saber quem é a mente brilhante por trás das páginas pode aumentar ainda mais o mistério, e nos deixar com um desejo profundo de desvendar os segredos que o autor escondeu em suas palavras.

O título do livro pode oferecer algumas pistas sobre o que esperar, mas o verdadeiro tesouro se encontra nas páginas que compõem a história.

Talvez esse livro possa ser uma surpresa gratificante ou talvez seja apenas uma obra obscura, mas a jornada para descobrir isso é parte da diversão. Qualquer que seja o resultado, um livro com um autor desconhecido é, sem dúvida, uma experiência única e surpreendente.

Exemplo:

A MULA SEM CABEÇA. Florianópolis: Editora X, 2020.

Referência da Constituição Federal ou Estadual

O conhecimento das referências da Constituição Federal ou Estadual é fundamental para qualquer estudante de Direito, advogado ou cidadão consciente das suas garantias constitucionais.

Quando buscamos um documento oficial, seja para embasar uma argumentação ou para entender melhor algum ponto específico da Carta Magna, a referência precisa estar organizada de forma correta e padronizada.

É por isso que a descrição e local do órgão constituinte, assim como o ano de publicação, são informações imprescindíveis para encontrar a fonte original de maneira ágil e eficiente. Afinal, a Constituição é a base do nosso sistema jurídico e todos devem ter acesso às suas disposições sem complicações ou obscuridades.

Exemplo:

BRASIL. Constituição (1988). Constituição da República Federativa do Brasil. Brasília, DF: Centro Gráfico, 1988.

Legislação comum

A legislação comum é um tema essencial para qualquer pessoa que deseja entender melhor as leis que regem nosso país. A Lei nº XX.XXX, de dia de mês de ANO, é uma dessas leis e tem uma função importante para garantir a justiça e a equidade em nosso sistema jurídico.

Publicada no Diário Oficial da União, em Brasília, essa lei representa um passo importante na evolução das nossas leis e deve ser conhecida e entendida por todos os cidadãos. É fundamental para a nossa sociedade ter uma legislação clara e coerente, e essa lei é um exemplo disso.

Exemplo:

BRASIL, Lei nº 9.029, de 13 de abril de 1995. Proíbe a exigência de atestados de gravidez e esterilização e outras práticas discriminatórias, para efeitos admissionais ou de permanência da relação jurídica de trabalho e dá outras providências. Diário Oficial da União, Brasília, DF, v. 01, n. 55, 1995.

Artigo de periódico ou revista

Os artigos de periódico ou revista são uma valiosa fonte de informações para acadêmicos e profissionais de diversas áreas. Com base em pesquisas e análises críticas, esses artigos apresentam contribuições significativas para o avanço do conhecimento em diferentes campos do saber.

O autor, ao publicar seu artigo em uma revista especializada, tem a oportunidade de compartilhar suas descobertas com uma audiência mais ampla, além de obter reconhecimento científico e acadêmico.

São muitos os desafios envolvidos na elaboração desses textos, mas o resultado vale a pena. Se por um lado, o processo de revisão e avaliação é rigoroso, por outro, a publicação é uma demonstração de excelência na pesquisa e produção de conhecimento.

Exemplo:

KILOMBA, Grada. A máscara, Revistas USP, n. 16, p. 23-40, 2016.

Artigo em um evento

É sempre uma grande oportunidade quando um trabalho de pesquisa é aceito para ser apresentado em um evento.

E quando se trata de um evento importante em nossa área de estudo, a expectativa é ainda maior. O artigo apresentado pelo autor SOBRENOME, Nome definitivamente não decepciona.

Com um título instigante e relevante, sua pesquisa transmite conhecimentos valiosos e amplia a discussão sobre o tema abordado. O evento TÍTULO DO EVENTO é um espaço de intercâmbio de ideias e pesquisas, e o trabalho apresentado certamente contribui para este objetivo.

Esperamos ansiosamente pela publicação do documento completo, que certamente se tornará referência na área.

Exemplo:

SILVA, João. A contribuição de Paulo Freire na PedagogiaIn: JORNADA DE PEDAGOGIA, nº 3, 2019, Florianópolis. Resumos. Florianópolis: Editora X, 2020, p. 20-50.

Referência de monografia, dissertação ou tese

Quando se trata de referenciar trabalhos acadêmicos como monografias, dissertações ou teses, é importante seguir um padrão para garantir a organização e credibilidade das informações.

De acordo com as normas, o sobrenome do autor deve vir primeiro, seguido do nome. O título da obra deve vir em itálico e, caso haja um subtítulo, deve ser informado também.

O ano de apresentação é obrigatório, assim como o número de folhas ou volumes da obra. Por fim, é importante informar a categoria ou área de concentração do trabalho, bem como a instituição e o local em que a defesa foi realizada.

Seguindo essas orientações, sua referência estará completa e pronta para ser utilizada em seus trabalhos acadêmicos.

Exemplo:

CARNEIRO, Aparecida Sueli. A construção do outro como não-ser como fundamento do ser. 2005. Tese (Doutorado em Educação) – Curso de Educação – Universidade de São Paulo, São Paulo, 2005.

Obras coletivas ou de autoria de entidades

Muitas vezes, uma obra não é apenas fruto de um único autor, mas sim de uma coletividade de ideias e esforços. É o caso das obras coletivas ou de autoria de entidades, onde diversos colaboradores se unem para criar um trabalho único e completo.

Nesses casos, é comum que diferentes pontos de vista e especialidades se misturem, criando uma obra rica em informações e detalhes.

O resultado final pode ser uma verdadeira obra-prima que oferece diferentes perspectivas sobre um determinado assunto. Por isso, vale a pena conferir as obras coletivas e de entidades, que podem surpreender com novas abordagens e reflexões.

Exemplo:

SÃO PAULO, Prefeitura Municipal de. Secretaria de Cultura. Dados sobre os aspectos culturais de São Paulo. São Paulo, 2017.

Referências de sites

Com a vasta quantidade de materiais disponíveis na internet, é importante saber como fazer referências de sites corretamente.

Cada tipo de site possui suas particularidades, e é necessário prestar atenção nos detalhes para garantir a qualidade das referências. Pensando nisso, preparamos um material completo que vai te ajudar a se tornar um expert em referências de sites e artigos online.

Não perca mais tempo tentando descobrir como fazer as referências corretamente, confira nosso guia completo agora mesmo e torne-se um mestre na hora de citar seus materiais de pesquisa online.

As citações citadas do site devem conter os seguintes dados:

Exemplo de referências abnt
Exemplo de uma referência na citação

Forneceremos uma explicação detalhada de como criar referencias bibliograficas abnt dentro do seu TCC. Além dos padrões de formatação da ABNT, temos muitos exemplos de abnt referencias extraídas de livros, e-books, blogs, páginas de internet, YouTube e documentos jurídicos.

As referências bibliográficas abnt fazem parte do elemento pós-textual dentro da estrutura do trabalho acadêmico que será necessário para concluir o curso, ou seja, de acordo com a ABNT, referências abnt conjuntos padronizados de informações descritivas usadas para identificar documentos individuais e são elementos obrigatórios segundo as normas ABNT, veja abaixo sua estrutura de acordo com esta regra ABNT.

TCC Pronto
TCC em apenas 3 DIAS
Exemplos de referências bibliográficas
Exemplo de referências bibliográficas

Estrutura das Referências bibliográficas segundo as Normas ABNT

Estrutura do tcc para referências
Referências na estrutura tcc

Por mais obvio que possa parecer, muita gente ainda não sabe onde fica localizado a folha de referências bibliograficas abnt 2022, pois, para sanar essa dúvida preparamos uma ilustração informativa de onde ficará a norma abnt referencias.

Posição das referências bibliográficas
Posição correta da página de referências

O exemplo de abnt referencias 2019 mostrado acima, serve como modelo usando apenas os itens obrigatórios de um trabalho acadêmico, deve-se levar em consideração na hora de preparar o seu trabalho acadêmico, todas as demais folhas que você necessite usar, com isso algumas folhas podem ser modificadas de lugar.

Ao invés de criar um gerador de referencias abnt, preferimos disponibilizar um modelo para download e um vídeo tutorial ensinando a você como fazer as referências bibliográficas abnt site, e logo em seguida você analise as referências a seguir e identifique aquela que está corretamente organizada de acordo com o que você procura.

Modelo da página de referências
Modelo das referências bibliográficas

Assista nosso tutorial de como fazer as
Referências nas Normas ABNT 2022.

Principalmente o tutorial vai ensinar como preparar as referências dentro das normas ABNT usando o software Microsoft Office Word. Seguimos de acordo com a norma 6023:2018 estabelecida pelas normas ABNT.

Normas Gerais para as Referências

  • Alinhamento a esquerda;
  • Tamanho da fonte 12px;
  • Fonte: Times New Roman ou Arial;
  • Título em negrito e centralizado;
  • Espaçamento entrelinhas simples.

Em outras palavras ,vejamos como preparar abnt referencias bibliograficas passo a passo. logo abaixo disponibilizamos um tutorial passo a passo de como você deve fazer as suas referência bibliográficas e logo após conferir os tipos de referencias que você poderá usar em seu TCC.

Referências bibliográficas abnt, veja o passo a passo de como fazer segundo as normas.

Regras especiais de referências ABNT

As regras de referências ABNT podem ser um pouco confusas para quem não está acostumado com as normas.Porém, é importante entendê-las e aplicá-las corretamente para evitar problemas de plágio ou ter seu trabalho desconsiderado.

Algumas regras especiais incluem referências de material audiovisual, artigos de jornais ou revistas, e até mesmo referências de páginas de redes sociais. Embora possa parecer trabalhoso, seguir essas regras garantirá a integridade e qualidade do seu trabalho acadêmico.

Pontos específicos de formatação

Na hora de formatar as referências de um trabalho acadêmico, é importante prestar atenção aos pontos específicos que garantem a padronização do texto.

Entre eles, destacam-se a utilização de espaçamento simples entre as linhas, a fonte Times New Roman tamanho 12 e a justificação do texto. É necessário seguir adequadamente as normas de cada tipo de referência, seja de livros, artigos ou sites.

Quando se tratam de trabalhos robustos, a falta de atenção aos detalhes pode ser o grande vilão da produção, reduzindo a qualidade do resultado final.

Por isso, não subestime a importância dos pontos específicos de formatação, garanta que a sua produção esteja de acordo com as normas vigentes e entregue um trabalho impecável.

Espaçamento

O espaçamento correto entre as palavras é essencial para garantir a legibilidade e a organização do texto. Ao se deparar com um documento que requer espaçamento, é importante lembrar que apenas dois espaços simples devem separá-las.

Essa é uma regra simples, mas que pode fazer toda a diferença no resultado final do trabalho. O espaçamento adequado ajuda a destacar palavras e a facilitar a leitura, que se torna mais fluida e agradável.

Seguir essa regra mostra profissionalismo e comprometimento com a qualidade do documento. Então, lembre-se: para um texto coeso e bem estruturado, dois espaços simples são suficientes.

Alinhamento

Para que um texto seja fácil de ler e compreender, é importante que haja um alinhamento adequado.

Quando se trata de documentos e trabalhos acadêmicos, a maioria das pessoas prefere deixar o texto alinhado à esquerda. Isso facilita a leitura e ajuda a evitar problemas de justificação, que podem criar espaços estranhos entre as palavras e prejudicar a legibilidade.

O alinhamento à esquerda também cria um aspecto mais organizado e profissional no documento. Portanto, se você está escrevendo um trabalho importante, é recomendável prestar atenção ao alinhamento do texto para garantir a melhor experiência de leitura possível.

Ordenação

Ao escrever um trabalho acadêmico é importante que as referências bibliográficas estejam em ordem alfabética, facilitando a leitura e a localização das fontes utilizadas.

No entanto, é importante ter atenção a um detalhe que muitos acabam ignorando: os artigos definidos e indefinidos. Afinal, palavras como “o”, “a, “um” e “uma” devem ou não ser consideradas na hora de ordenar as referências?

Neste caso, a resposta é não. Esses artigos não devem influenciar na ordem alfabética e devem ser ignorados na hora de ordenar os sobrenomes dos autores ou as iniciais de seus nomes.

Lembrando que seguir essas regras é fundamental para garantir a qualidade e a credibilidade do trabalho que você está desenvolvendo.

Títulos e subtítulos

A organização é fundamental para garantir que ele seja compreensível e atrativo para o leitor. Nesse sentido, os títulos e subtítulos são ferramentas essenciais, pois ajudam a dividir o conteúdo em seções e facilitam a leitura.

Para separá-los, é importante utilizar os dois pontos, que servem para sinalizar uma pausa e indicar que o que vem a seguir é um complemento ou explicação do título anterior.

É importante pensar em títulos e subtítulos atraentes e relevantes, que chamem a atenção do leitor e indiquem claramente do que se trata cada seção do texto.

Com uma boa organização e escolha de títulos e subtítulos, é possível tornar qualquer texto mais interessante e fácil de ler.

Apud em referências bibliográficas

O uso do apud pode ser uma forma útil de citar uma citação, mas é importante ter cautela ao utilizá-lo.

Embora possa ser útil quando você não tem acesso à fonte original, o apud pode transmitir uma mensagem de falta de confiabilidade na citação.

Isso ocorre porque há uma distância em relação à fonte original da citação, o que significa que você pode estar se distanciando da intenção do primeiro autor sem nem mesmo perceber.

Portanto, ao fazer uma citação, é sempre importante tentar encontrar a fonte original para ajudar a garantir a precisão e confiabilidade de sua citação.

Exemplo de apud em referências bibliográficas na ABNT

ORIGINAL, Autor. Título do texto original. Cidade: Editora, 2011 apud CITANTE, Autor. Título do texto de onde a passagem foi tirada. Cidade: Editora, 2017.

Referências bibliográficas de obras coletivas ou de autoria de entidades

Falar sobre referências bibliográficas pode parecer entediante, mas é extremamente importante para quem está realizando um trabalho acadêmico.

Quando lidamos com obras coletivas ou de autoria de entidades, as regras para as referências bibliográficas mudam um pouco em relação aos livros. É importante estar atento a essas diferenças para evitar cometer erros na hora de citar as fontes utilizadas.

Quando existem vários responsáveis pelo conteúdo de um texto, devemos seguir algumas regras específicas para citá-los corretamente. Em qualquer caso, seguir as normas da ABNT é essencial para preservar a qualidade e a credibilidade do trabalho acadêmico que estamos realizando.

Exemplo:

SÃO PAULO, Prefeitura Municipal de. Secretaria de Cultura. Dados sobre os aspectos culturais de São Paulo. São Paulo, 2017.

Cidades com nomes iguais

Não é incomum encontrar cidades com nomes iguais pelo Brasil afora. O problema é que, em muitos casos, isso pode gerar confusão, especialmente em questões de correspondência e envio de encomendas.

É o caso da cidade de Ouro Branco, presente em dois Estados diferentes: Minas Gerais e Rio Grande do Norte. Para evitar possíveis transtornos, é importante sempre identificar a cidade com o nome do Estado. Afinal, não queremos que nossas cartas e pacotes acabem em um destino equivocado, não é mesmo?

Local de publicação desconhecido

Quando compramos um livro, é natural que a atenção fique voltada para o autor e o título da obra. Porém, muitas vezes, nos deparamos com uma informação que pode passar despercebida: o local de publicação.

É comum que as obras tragam essa informação, mas nem sempre é possível identificar a cidade em que ela foi lançada. Quando isso acontece, é utilizada a abreviatura [S.l.], que significa sine loco, ou seja, sem lugar.

Embora seja uma informação aparentemente banal, saber o local de publicação pode ajudar a entender o contexto em que o livro foi escrito e publicado, enriquecendo ainda mais a experiência de leitura.

Data de publicação desconhecida

Ao escrever um TCC, é comum encontrarmos cópias de textos sem a indicação da data de publicação. Nesses casos, é responsabilidade do autor realizar uma pesquisa para obter essa informação e incluí-la na referência bibliográfica.

Se não for possível apurar a data exata, é recomendável colocar um intervalo entre dois anos, como [2016 ou 2017], comunicando ao leitor a incerteza. Em casos de incerteza maior, o autor pode indicar o ano mais provável com um ponto de interrogação, por exemplo, [2011?].

É importante lembrar que intervalos maiores do que vinte anos não devem ser indicados, sendo recomendável utilizar a expressão [entre 1960 e 1965].

Principais atualizações nas referências bibliográficas

A atualização da NBR 6023 realizada em novembro de 2018 trouxe mudanças significativas nas referências bibliográficas. Esta nova publicação passou de 24 para 68 páginas, trazendo ainda mais informações importantes para quem precisa produzir trabalhos acadêmicos ou científicos.

Para facilitar a compreensão das principais alterações, reunimos todas elas aqui. Mas não se preocupe, caso você ainda tenha dúvidas, nossa equipe especializada está pronta para ajudá-lo a entender as novas regras da ABNT. Mantenha-se atualizado e produza trabalhos de qualidade com segurança e conformidade!

Sobre a quantidade de autores a informar

Ao fazer uma referência bibliográfica, é importante saber a quantidade de autores que devem ser informados. Se a fonte possui até três autores, é fundamental incluir o nome de todos eles.

Porém, se a referência contém quatro ou mais autores, é recomendável listar todos, mas caso opte por não fazê-lo, é possível indicar apenas o primeiro seguido da expressão “et al.”. É essencial estar atento a essas diretrizes para garantir a precisão e clareza das suas citações.

O uso de traço sublinear na lista de referências

Uma mudança recente nas normas de citações bibliográficas pode ter passado despercebida por muitos acadêmicos. O traço sublinear, antes utilizado para indicar obras de um mesmo autor na lista de referências, foi eliminado na última atualização.

Embora possa parecer uma mudança pequena, a utilização correta de citações é extremamente importante para a integridade acadêmica, e ficar atento às atualizações das normas pode evitar problemas futuros.

É sempre importante estar atualizado sobre as mudanças nas normas, para garantir a precisão e a qualidade da produção científica.

Uso de itálico

O uso do itálico tem se tornado cada vez mais comum em diversos contextos, inclusive na escrita acadêmica. Uma das formas mais frequentes de aplicar essa formatação é para destacar expressões como In e et al.

O primeiro termo é utilizado para sinalizar que determinada informação faz parte de uma determinada parte da obra, como uma seção ou capítulo. Já o et al é muito útil quando se trata de citar uma obra que tenha mais de quatro autores, pois torna a referência menos prolixa e mais fácil de ler.

Com a utilização do itálico, é possível dar ênfase e tornar mais evidentes essas informações importantes, garantindo que a mensagem seja transmitida claramente.

Novos tipos de documentos

A mais recente edição da norma proporcionou um importante avanço na forma como fazemos referência a diferentes tipos de documentos.

Essa atualização se deve, em grande parte, ao fato de que as redes sociais e os podcasts, que antes não eram considerados fontes de informação confiáveis, tornaram-se cada vez mais importantes para as pessoas.

Agora é possível mencionar documentos civis e cartoriais, como certidões de nascimento e casamento, bem como atos administrativos que antes eram excluídos, como circulares, estatutos e pareceres técnicos.

Essa nova abordagem indica que a norma está atenta às mudanças na sociedade e está disposta a se adaptar às novas necessidades dos usuários.

Retirada de “<>” em links

Uma mudança importante foi feita nas referências de documentos online: foi retirado o sinal “<>” que era utilizado antes e depois do link de acesso.

Agora, os links ficarão mais limpos e organizados, facilitando a visualização e a compreensão dos usuários.

Essa mudança foi realizada pensando na praticidade e no conforto dos usuários, facilitando a vida de quem precisa acessar esses documentos por meio da internet.

Isso mostra como as empresas estão sempre buscando formas de melhorar a experiência de seus usuários, tornando as tecnologias cada vez mais acessíveis e fáceis de usar.

Indicação de orientador em teses e dissertações

Ter um orientador competente é fundamental para o sucesso de um trabalho acadêmico como tese ou dissertação.

E, de acordo com a norma atual, é possível indicar esse profissional após a escolha do título. A escolha do orientador não deve ser feita de qualquer maneira, ela é crucial para o desenvolvimento do trabalho.

Além da qualidade do trabalho orientado, um orientador que se encaixe bem com o perfil do estudante pode ser a diferença entre uma pesquisa bem-sucedida e uma frustração acadêmica.

Portanto, é importante escolher com sabedoria e optar por um orientador que possa oferecer o suporte necessário para o sucesso do projeto.

Supressões em título longo

Sabemos que um título longo pode acabar se tornando confuso e até mesmo cansativo para o leitor.

Por isso, a norma atual permite a realização de supressões em parte do título ou subtítulo desde que não haja alteração de sentido.

Isso pode ser feito através do uso das reticências entre colchetes, o que torna o processo de leitura mais fluido e agradável.

No entanto, é importante ter cuidado para não prejudicar a compreensão do texto ao realizar esse tipo de alteração.

Referências bibliográficas nas normas da ABNT

As referências bibliográficas são uma parte importante da elaboração de um trabalho acadêmico. E seguindo as normas da ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas), você pode ficar tranquilo de que está fazendo o processo corretamente.

Seguir as normas garante que você evite plágio ou a falta de citação de material utilizado no seu trabalho. Mas, se você quiser economizar tempo e energia, pode recorrer a modelos pré-formatados de referências e citações, disponíveis online e em outras fontes confiáveis.

Dessa forma, você pode concentrar seus esforços na pesquisa, no desenvolvimento do tema e na produção de um trabalho acadêmico excelente.

Como adicionar citações

Você já precisou adicionar uma citação em um trabalho acadêmico e não sabia exatamente como fazer?

Não se preocupe, o Regras ABNT pode ser um grande aliado nesta tarefa. Para te auxiliar, preparamos um tutorial que ensina como adicionar uma referência na lista de referências e na citação utilizando o nosso editor.

Mas é importante lembrar que existem diferentes tipos de citação e cada um deve ser utilizado de acordo com a fonte consultada. Se você ainda tem dúvidas sobre isso, confira o nosso post sobre Formatação na ABNT e fique por dentro das normas.

Citação direta longa

Não há dúvidas de que ao escrever acadêmicos, é importante utilizar citações diretas longas quando necessário. Esse tipo de citação é especialmente útil nos casos em que as palavras de um autor são necessárias para apoiar um argumento ou ponto de vista específico.

No entanto, essas citações podem ser difíceis de incorporar em seu texto, e é importante lembrar de seguir as normas de formatação adequadas ao fazê-lo.

Certifique-se de introduzir a citação corretamente e usar aspas ou itálico para diferenciá-la do texto circundante. Não se esqueça de citar a fonte correta e incluir uma referência bibliográfica completa no final do seu trabalho.

Direção direta longa
Citação direta longa

Citação direta curta

Citação direta curta é uma técnica muito comum no mundo acadêmico e consiste em inserir no texto uma passagem de outro autor que seja relevante para o tema em questão, entre aspas. É importante ressaltar que a citação direta curta deve conter no máximo três linhas, caso contrário, deve ser utilizada a citação direta longa.

É necessário indicar a fonte da citação no texto e na bibliografia ao final do trabalho, seguindo as normas da ABNT. Utilizar citações diretas curtas é uma forma de fortalecer os argumentos e embasar as ideias apresentadas.

Por isso, é fundamental saber utilizar essa técnica de forma adequada e coerente com o objetivo do trabalho.

Citação direta curta
Citação direta curta

Biblioteca de referências bibliográficas

Com a biblioteca de referências bibliográficas, você pode ter acesso a todas as informações que precisa para embasar seus trabalhos acadêmicos de forma completa e organizada.

E agora, com a possibilidade de gerar sua própria biblioteca, fica ainda mais fácil ter suas referências sempre à mão.

Todas as referências adicionadas ficam disponíveis para serem utilizadas em qualquer um dos seus trabalhos, garantindo mais agilidade e praticidade ao seu processo de pesquisa e escrita.

Não perca mais tempo buscando e inserindo manualmente cada referência: aproveite todas as vantagens da biblioteca de referências bibliográficas!

Busca automática de referências bibliográficas

Com a busca automática de referências bibliográficas, a sua vida acadêmica ficou ainda mais fácil! Imagine não precisar mais passar horas pesquisando cada referência para o seu trabalho de conclusão de curso ou artigo científico.

Com o nosso sistema, você pode encontrar rapidamente as fontes que precisa, apenas pesquisando pelo nome do autor ou nome da obra.

O melhor de tudo é que, de forma automática, todas as informações necessárias serão apresentadas de forma completa. Então, não perca mais tempo e experimente já essa funcionalidade!

Principais dúvidas sobre referências bibliográficas

Muitas vezes, sabemos que a parte mais difícil da pesquisa é a elaboração das referências bibliográficas. É comum que surjam algumas dúvidas nesse processo, tais como: como mencionar o sobrenome e o nome do autor?

Qual é a ordem correta para citar os dados do livro, artigo ou periódico?

Devemos incluir a data de acesso para materiais online?

Essas dúvidas podem ser perturbadoras, mas não precisam ser um obstáculo para seu trabalho acadêmico.

Saber como construir uma referência bibliográfica correta é importante e pode valer pontos em suas notas, então é necessário entender as regras básicas e ter uma atenção cuidadosa aos detalhes.

Como mencionar o sobrenome e o nome do autor?

Ao mencionar o nome e sobrenome do autor em um texto, é importante seguir as regras de formatação para evitar erros e inconsistências. A tradição acadêmica no Brasil e em outros países de língua portuguesa é citar primeiro o sobrenome e depois o nome, separados por uma vírgula.

Por exemplo: Lima, João. Se o autor tiver dois sobrenomes, é necessário usar ambos, separados por um espaço. Se o autor tiver um título, como doutor ou professora, ele deve vir antes do nome. É importante seguir estas regras para garantir a clareza e a organização do texto.

Qual é a ordem correta para citar os dados do livro, artigo ou periódico?

Citar adequadamente as fontes usadas em um trabalho acadêmico é fundamental para dar credibilidade às informações apresentadas e evitar possíveis problemas de plágio.

Quando se trata de citar dados de livros, artigos ou periódicos, é importante seguir uma ordem correta. Geralmente, a ordem inclui informações como autor(es), título do artigo ou livro, editora ou periódico, local de publicação e data.

É importante mencionar que a ordem exata pode variar de acordo com o estilo de citação utilizado, como a ABNT e APA, por exemplo. Por isso, sempre verifique as normas exigidas pela instituição ou professor responsável pelo trabalho e as aplique adequadamente.

Devemos incluir a data de acesso para materiais online?

Com o crescente aumento do acesso ao material online, surge a dúvida sobre a inclusão da data de acesso a esses recursos. Embora não haja consenso universal entre as normas de citação, muitos especialistas argumentam que a data de acesso é uma informação relevante que deve ser incluída.

Isso se deve ao fato de que o conteúdo na internet pode ser alterado rapidamente, e uma data de acesso permite a avaliação da versão utilizada e a rastreabilidade da fonte. Ter a data de acesso pode ser útil na documentação de pesquisas e na localização de fontes relevantes.

Portanto, é importante considerar a inclusão da data de acesso como uma forma de aumentar a transparência e integridade da pesquisa e evitar possíveis conflitos de credibilidade.

O que é referência bibliográfica de um trabalho acadêmico?

A referência bibliográfica é um conjunto de informações que permitem a identificação do autor, título, data de publicação, editora, entre outras informações relevantes do material consultado.

Essa prática é essencial para evitar o plágio e garantir a credibilidade do trabalho. As referências bibliográficas permitem ao leitor conferir as fontes utilizadas, aprofundar-se no assunto e verificar a veracidade das informações apresentadas.

Portanto, é imprescindível entender como fazer corretamente referência bibliográfica em todo trabalho acadêmico.

Por que é importante fazer as referências bibliográficas nas normas da ABNT?

Uma das etapas mais importantes na elaboração de trabalhos acadêmicos é a citação das fontes utilizadas. Isso porque, além de dar credibilidade ao texto, as referências bibliográficas nas normas da ABNT servem para aperfeiçoar a organização e padronização dos trabalhos científicos.

A Associação Brasileira de Normas Técnicas, conhecida como ABNT, estabeleceu uma série de regras para que os estudantes possam se guiar na hora de estruturar e formatar suas pesquisas.

Dessa forma, ao seguir as normas da ABNT, o aluno garante um trabalho mais completo, consistente e de qualidade, que será compreendido pelo leitor com maior clareza e objetividade.

Por isso, é fundamental que os estudantes se familiarizem com as normas da ABNT e as utilizem corretamente em seus trabalhos.

Como fazer referência bibliográfica de livros nas normas da ABNT?

A ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas) estabelece normas para a organização de trabalhos acadêmicos, incluindo a forma como as referências bibliográficas devem ser apresentadas.

Para citar um livro em uma referência bibliográfica na ABNT, é necessário seguir algumas regras específicas. Primeiro, deve-se incluir o sobrenome do autor, seguido de suas iniciais, o título do livro em itálico, a edição, o local de publicação, a editora e o ano de publicação.

É importante seguir todas as regras para evitar erros de formatação que possam prejudicar a sua nota. Com um pouco de prática, fazer referências bibliográficas de livros nas normas da ABNT será uma tarefa fácil e rápida.

SOBRENOME, Nome; SOBRENOME, Nome (se tiver mais de um autor). Título: subtítulo (se houver). Edição (se houver). Local: Editora, ano de publicação.

Como fazer referência de livros com mais de três autores nas normas da ABNT?

Ao fazer uma referência bibliográfica de um livro com mais de três autores, é necessário seguir algumas regras estabelecidas pelas normas da ABNT. Primeiramente, é preciso listar todos os autores na mesma ordem em que aparecem na capa do livro, seguidos da abreviação “et al.“, que significa “e outros”.

Em seguida, deve-se incluir o título do livro, o número da edição, a cidade de publicação, a editora e o ano de publicação. É importante lembrar que seguir as normas da ABNT garante maior credibilidade e seriedade ao trabalho acadêmico ou científico realizado.

Portanto, é fundamental estar sempre atualizado sobre as regras e aplicá-las corretamente em suas referências bibliográficas.

Como fazer referência de artigo científico de periódico ou revista nas normas da ABNT?

Saber fazer referência de artigo científico de periódico ou revista é fundamental para qualquer estudante ou pesquisador que deseja publicar trabalhos acadêmicos de qualidade e em conformidade com as normas da ABNT.

Mas afinal, como fazer isso de forma correta? É preciso se atentar a diversos detalhes, como o nome dos autores, título do artigo, nome da revista, volume, número, ano e página inicial e final.

É necessário seguir as normas da ABNT para citação e referência bibliográfica, a fim de evitar possíveis erros e problemas em relação à autenticidade e credibilidade do trabalho.

Com essas informações em mente, é possível fazer uma referência adequada e eficiente de artigos científicos de periódicos ou revistas nas normas da ABNT.

SOBRENOME, Nome et al. Título: subtítulo (se houver). Edição (se houver). Local: Editora, ano de publicação.

Como fazer referência da Constituição Federal nas normas da ABNT?

Fazer referência à Constituição Federal nas normas da ABNT pode parecer desafiante à primeira vista. Mas não se preocupe.

Para começar, é importante ressaltar que a Constituição Federal é considerada uma referência primária e deve ser citada, sobretudo, em trabalhos que tratam de questões relacionadas ao direito, política e cidadania.

Para fazer a citação, é fundamental considerar a localização e a data da publicação do documento. A dica é consultar as normas da ABNT para entender como padronizar as citações em seu trabalho.

Com a referência da Constituição Federal em mãos, o seu texto ficará ainda mais completo e confiável. Mãos à obra!

LOCAL. Título (ano). Descrição. Local do órgão constituinte, ano de publicação.

Como fazer referência de lei nas normas da ABNT?

Referenciar leis nas normas da ABNT pode parecer complicado, mas com algumas dicas pode se tornar fácil.

Primeiro, é preciso identificar o número da lei e sua função. Em seguida, é necessário identificar o Diário Oficial da União em que a lei foi publicada, além da cidade de Brasília e o número do volume e da edição.

Por fim, deve ser incluída a data da publicação do Diário Oficial da União. Seguindo esses passos, será possível fazer uma referência completa e correta de uma lei nas normas da ABNT.

BRASIL. Lei nº XX.XXX, de dia de mês de ANO. Função da lei. Diário Oficial da União, Brasília, DF, v. XX, n. XX, data de publicação do Diário.

Listra ABNT

COMPARTILHE:

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp